Lipoenzimática de Papada

A lipoenzimática de papada, é um tratamento não cirúrgico onde se realiza através de injeções da enzima, ácido deoxicólico,  na região submentual (papada), possibilitando uma redução do volume de gordura localizada, acabando com o efeito de “queixo duplo”. Este ácido é uma enzima já presente no nosso corpo, que é derivada da bilis que tem a função de emulsificar a gordura do organismo quebrando naturalmente as células de gordura. Atualmente ele tem sido muito utilizado, na sua forma sintética injetável na redução da gordura de várias partes do corpo em especial na gordura do pescoço (papada). Este é um procedimento simples, seguro, não necessita de internação hospitalar e é bem mais acessível quando se compara com o procedimento cirúrgico e possui muito menos efeitos colaterais.

        A aplicação é realizada em um procedimento rápido e praticamente indolor na região do pescoço, pois é uma aplicação superficial com uma agulha muita pequena, onde é utilizado um anestésico tópico previamente a aplicação do ácido deoxicólico. É comum haver inchaço, dormência e vermelhidão no local das aplicações, que somem em alguns dias, variando conforme o organismo do paciente. Também podem aparecer alguns hematomas.

       Geralmente são realizadas de 4 a 8 sessões de aplicação a cada 15-30 dias, para desinchar completamente a área e prepará-la para uma nova fase e depende da quantidade de gordura que a pessoa tem no pescoço. Os resultados são excelentes na harmonização facial.

Indicação:  redução da gordura do pescoço (papada).

Cuidados após tratamento:

   Apesar da importância de tomar alguns cuidados, não é necessário ficar em repouso. A  lipoenzimática de papada permite que o paciente retorne às atividades logo após as aplicações. Usar protetor solar FPS 30 ou maior. É importante que o paciente siga todas as instruções fornecidas pelo profissional responsável pelo procedimento.